• 1_BannerBlog_Site_CreditoConsignado_Geral_1170x300px.jpg
  • 2_BannerBlog_RevistaSicoob31_1170x300px.jpg
  • 3_BannerBlog_facaParte_1170x300px.jpg
  • 4_BannerBlog_NovosApps_1170x300px.jpg

Febraban lança aplicativo gratuito para controle de despesas no celular

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) lançou na última terça-feira, 4 de setembro, um aplicativo para celulares que possibilita aos usuários o controle dos gastos fixos e mensais, recebimento de alertas sobre a data de pagamento das contas além de aviso quando entra no vermelho.

Batizado de “Jimbo Mobile”, ele é gratuito e atua como um software de gestão financeira. Para baixar o aplicativo, o interessado deverá acessar o 'Google Play' do celular ou no computador e buscar o aplicativo 'Jimbo Mobile'. O aplicativo da Febraban só pode ser baixado em celulares com plataforma Android.

A versão do Jimbo para computadores existe desde 2011 e pode ser baixada, também gratuitamente, pelo site MeuBolsoemDia. A ideia da Febraban com o lançamento da versão móvel é facilitar o controle dos gastos logo após as compras, permitindo ao consumidor manter um controle mais preciso do seu orçamento. Possibilidade valiosa, já que as despesas pequenas não contabilizadas são muitas vezes as culpadas por deslizes financeiros.

BC lança moeda comemorativa ao Ano Internacional das Cooperativas

Na última quinta-feira, 26 de julho, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou o lançamento da moeda comemorativa do Ano Internacional das Cooperativas, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Inicialmente serão cunhadas 3.500 unidades, podendo-se atingir o limite máximo de 10 mil moedas. Após o lançamento, previsto para outubro deste ano, as moedas poderão ser adquiridas nas regionais do Banco Central (BC) ou no site do Banco do Brasil.

Cunhada em prata, a moeda comemorativa apresentará a logomarca oficial do Ano Internacional das Cooperativas e o slogan: “Cooperativas constroem um mundo melhor”.

O cooperativismo, de acordo com dados do BC, reúne aproximadamente 1 bilhão de pessoas em mais de 100 países, sendo responsável pela geração de 100 milhões de empregos. Ao instituir o ano de 2012 como Ano Internacional das Cooperativas, a ONU visa promover o cooperativismo como instrumento de desenvolvimento socioeconômico, redutor da pobreza.

No Brasil, ainda segundo o BC, há 6.586 cooperativas e aproximadamente dez milhões de cooperados, em 13 diferentes ramos de atuação do setor. O lançamento da moeda comemorativa em homenagem ao Ano Internacional das Cooperativas é um reconhecimento da importância da iniciativa da ONU e também uma forma de ampliar a visibilidade e a conscientização a respeito dos benefícios do cooperativismo.

Novas notas de R$ 10 e R$ 20 começam a circular hoje

Começam a circular nesta segunda-feira, 23 de julho, as novas cédulas de R$ 10 e R$ 20 da segunda família do real. O Banco Central do Brasil (BC) já havia lançado em dezembro do ano passado as cédulas de R$ 50 e R$ 100, da mesma família.

Além de elementos de segurança mais modernos e fáceis de verificar, a segunda família de cédulas incorporou novas marcas táteis e tamanhos diferenciados, para facilitar a identificação dos valores das cédulas pelos deficientes visuais.

As notas de R$ 2 e R$ 5 serão lançadas em 2013, ainda sem data definida. Segundo o BC, a segunda geração de cédulas do real continuará circulando simultaneamente com as cédulas antigas, que serão substituídas de acordo com o envelhecimento natural das notas. Clique para visualizar as imagens das cédulas da segunda família do real.

Banco Central lança novas notas de R$ 10 e R$ 20

Na próxima segunda-feira, 23 de julho, o Banco Central do Brasil (BC), vai lançar as novas cédulas de R$ 10 e R$ 20 da segunda família do real. O BC já havia lançado em dezembro do ano passado as cédulas de R$ 50 e R$ 100, da mesma família.

Além de elementos de segurança mais modernos e fáceis de verificar, a segunda família de cédulas incorporou novas marcas táteis e tamanhos diferenciados, para facilitar a identificação dos valores das cédulas pelos deficientes visuais.

As notas de R$ 2 e R$ 5 serão lançadas em 2013, ainda sem data definida. Segundo o BC, a segunda geração de cédulas do real continuará circulando simultaneamente com as cédulas antigas, que serão substituídas de acordo com o envelhecimento natural das notas. Clique para visualizar as imagens das cédulas da segunda família do real.

Começa a Semana do Empreendedor Individual do Sebrae

Em comemoração ao terceiro aniversário da criação da Lei do Empreendedor Individual, o Sebrae promove, em todo o País, de 2 a 7 de julho, a Semana Nacional do Empreendedor Individual.

O Empreendedor Individual é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para ser um empreendedor individual, é necessário faturar hoje no máximo até R$ 60 mil por ano ou R$ 5 mil por mês e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular.

Pela Lei Complementar nº 128, de 19/12/2008, o trabalhador conhecido como informal pode se tornar um Empreendedor Individual legalizado. Ele passa a ter CNPJ, o que facilitará a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos e a emissão de notas fiscais.

Além disso, o EI é enquadrado no Simples Nacional e fica isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). O único custo para a formalização é o pagamento mensal de R$ 27,25 (INSS), R$ 5,00 (Prestadores de Serviço) e R$ 1,00 (Comércio e Indústria) por meio de carnê emitido exclusivamente no Portal do Empreendedor.

Com essas contribuições, o EI tem acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria, entre outros.

Se o cooperado já se formalizou, divulgue a Semana do Empreendedor Individual para que ele possa aprender a melhorar, planejar e administrar o próprio negócio. E se você ainda não é um EI, ele pode aproveitar a oportunidade para se formalizar. Confira aqui os pontos de atendimento em todo o País e divulgue!

Dilma lança Plano Agrícola e Pecuário e garante recursos para a safra 2012/2013

O presidente do Sicoob Confederação, José Salvino de Menezes, participou, na manhã desta quinta-feira, 28 de junho, da cerimônia de lançamento do Plano Agrícola e Pecuário (PAP) para a safra 2012/2013, no Palácio do Planalto, em Brasília (DF).

Na ocasião, a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mendes Ribeiro Filho, anunciaram a liberação de R$ 115,2 bilhões para atender os produtores rurais. Desses recursos, R$ 86,9 bilhões são para financiar o custeio e a comercialização e R$ 28,2 bilhões para custear os programas de investimentos. Além do aumento de 7,5% em relação ao crédito da safra anterior, o novo plano reduz de 6,75% para 5,5% a taxa anual de juros.

A presidente Dilma Rousseff disse que não haverá restrições de recursos para a agricultura. “Nós colocamos R$ 115 bilhões de recursos para dar suporte ao empreendedorismo e às iniciativas do agronegócio brasileiro e aqui eu quero assumir o compromisso manifestado pelo ministro Mendes Ribeiro. Não haverá restrições de recursos caso os R$ 115 bilhões sejam empregados de forma a não conseguir chegar ao final da safra. Não há restrições de recursos”, disse Dilma.

As novas taxas representam uma diminuição de 18,5% nos custos dos financiamentos para os produtores rurais. O total de recursos com taxa de juros controlada será de R$ 93,9 bilhões, um acréscimo de 18,5% em comparação ao programado para a safra anterior. Já os juros livres totalizam R$ 21,3 bilhões.

Para o ministro, as medidas do novo plano que combinam mais crédito, a juros menores e seguro rural, contribuirão para que o Brasil tenha a maior safra já produzida, estimada em 170 milhões de toneladas. Além disso, os recursos serão imprescindíveis para que o produtor aumente a produção agropecuária e garanta a segurança alimentar sem desrespeitar o meio ambiente. “Os R$ 115,2 bilhões serão fundamentais para a continuidade do progresso da agricultura brasileira”, salientou. O foco neste plano é o médio produtor rural, o cooperativismo e a produção sustentável, disse o ministro. Para detalhamento de informações e conhecimento do Plano Agrícola e Pecuário 2012/2013 na integra, acesse www.agricultura.gov.br/plano-agricola

JoomShaper